LEI DA RELATIVIDADE

Nada é tão fácil quanto parece, nem tão difícil quanto a explicação do manual.

segunda-feira, 31 de dezembro de 2007

2008

MEU AMIGO PEDRO


Muitas vezes, Pedro, você fala,
sempre a se queixar da solidão...
quem te fez com ferro, fez com fogo;
é pena que você não sabe, não!!

Vai pro seu trabalho todo dia,
sem saber se é bom ou se é ruim...
Quando quer chorar vai ao banheiro...
Pedro, as coisas não são bem assim!!!

Toda vez que eu sinto o paraíso
ou me queimo torto no inferno,
eu penso em você, meu pobre amigo,
que só usa sempre o mesmo terno...

Tente me ensinar das tuas coisas:
que a vida é séria e a guerra é dura;
mas, se não puder,
cale essa boca, Pedro!
E deixa eu viver minha loucura!

Lembra, Pedro, aqueles velhos dias?
Quando os dois pensavam sobre o mundo?
Hoje eu te chamo de careta
e você me chama vagabundo...

Todos os caminhos são iguais:
o que leva à glória ou à perdição...
há tantos caminhos tantas portas,
mas somente um tem coração...

E eu não tenho nada a te dizer,
mas não me critique como eu sou:
CADA UM DE NÓS É UM UNIVERSO, PEDRO
ONDE VOCÊ VAI, EU TAMBÉM VOU...



PEDRO, ONDE VOCÊ VAI, EU TAMBÉM VOU...
MAS TUDO ACABA ONDE COMEÇOU...

FELIZ 2008
a todos meus amigos, pedros ou não...

segunda-feira, 24 de dezembro de 2007


Nada sei dessa vida, vivo sem saber

Nunca soube, nada saberei

Sigo sem saber que lugar me pertence e que eu possa abandonar;

que lugar me contém e que possa me parar...



Sou errada,

sou errante;

sempre na estrada,

sempre distante...



VOU ERRANDO ENQUANTO O TEMPO ME DEIXAR!!!!



Vou errando enquanto o tempo me deixar...


quarta-feira, 19 de dezembro de 2007

Silêncio

Eu já sei o que meus olhos vão querer
quando eu te encontrar
impedidos de te ver
vão querer chorar

com um riso incontido
perdido em algum lugar
felicidade que transborda
não quer parar

(...)
Nunca me disseram
o que devo fazer
quando a saudade acorda


********************* Biquini Cavadão - Quando eu te encontrar

domingo, 16 de dezembro de 2007

Tinha cá pra mim, que agora sim,
eu vivia, enfim, um grande amor
(MENTIRA!!!)
Me atirei, assim, de trampolim,
fui até o fim um amador...
Passava o verão a água e pão
dava o meu quinhão pro grande amor
(MENTIRA!!!)
eu botava a mão no fogo
então, com meu coração de fiador(a)!!!

Hoje eu tenho apenas uma pedra no meu peito;
exijo respeito: Não sou mais um(a) sonhador(a).
(...) E dou risada do grande amor!
(MENTIRA!!!)



(Samba do grande amor - (MENTIRA!!!!) Chico B.)




Gosto de gente do interior
do jeito que essa gente diz que sente amor:
é amor pra sempre e pra nunca mais,
pois não se esquece o que não se desfaz...
Quem tem o sol das manhãs
e os pés descalços no chão
conhece a hora certa
na luz da porta aberta
tem sempre aberto o coração...
Gosto de gente do interior
do jeito que essa gente diz que sente amor:
é amor pra sempre e pra nunca mais,
pois não se esquece o que não se desfaz...


Gosto de gente do interior...
(TERÇO)

domingo, 25 de novembro de 2007

Sorte tem quem se apaixona
sem pragas, nem planos nem ais
Sorte, tem muita sorte,
quem decide ir e vai
Na guerra te amo mais:
Hoje não preciso da paz...
Esteja onde estiver,
vou correndo até você...
Esteja onde estiver,
Vou correndo até você!!!
*******Barão V.

domingo, 11 de novembro de 2007

FANATISMO



Minha alma, de sonhar-te, anda perdida
Meus olhos andam cegos de te ver
Não és sequer a razão do meu viver
pois que tu és já toda a minha vida


Não vejo nada assim, enlouquecida
Passo no mundo, meu amor, a ler
No misterioso livro do teu ser
A mesma história tantas vezes lida!
Tudo no mundo é frágil, tudo passa
Quando me dizem isso toda graça
De uma boca divina fala em mim:
De olhos postos em ti,
Digo de rastro,
Podem voar mundo, morrer astros
Que tu és como deus: princípio e fim.
(FLORBELA ESPANCA)

prontinhas






domingo, 4 de novembro de 2007

lembrancinhas em execução

Para a festa da top model Luísa (Lindíssima)
1º Aninho, tema da Branca de Neve







segunda-feira, 29 de outubro de 2007

novas técnicas...

Não sei o nome disso, ao certo, acho que é lapidação em vidro; mas já me falaram "jateado".
O efeito é esse aí ó...
canecas com os nomes dos sobrinhos da titia, em letras góticas (amo esse estilo!!!)...

Navegar é preciso;
Viver NÃO é preciso!

terça-feira, 16 de outubro de 2007

diversos

Casas de passarinho feitas de PET

Quadrinho pronto (moldura de bambu e palha)

Amei isso: "string art"!

Bordado em tela

sexta-feira, 12 de outubro de 2007

Porta-vaso e borboletas (PET e latinhas)






Deus!

Eu passo sete dias úteis

Traçando nove dias fúteis

Fazendo planos de papel

E vou dormir

(...)

Ah!!!

Mas o que você espera de mim???

que o consumado eu vá repetir??

Não!!

O que me importa nesse instante

é esse não-importar constante (...)









quinta-feira, 4 de outubro de 2007

Papel, papelão, lápis de cor e paciência...

Pintei os desenhos, colei no papelão, colei papel "contact" e colei ímãs.
Depois, testei colar as figuras diretamente na garrafa PET, com o lado do desenho no plástico.
gostei do resultado...
As joaninhas são no "contact"
Essas galinhas, na PET
Na PET














Os sapos, as flores, porquinhos são "no contact"


Sapos e joaninhas no papel ainda...




Esse da casinha ainda não revesti. Vou fazer um quadrinho.
Contact







Eu, Macunaíma

***AI, QUE PREGUIIIIÇA!!!!

Escreve, que eu te leio!!

Reclamações, sugestões, críticas, xingamentos, elogios? Escreve, que eu te leio, filho(a)! e-mail